domingo, 2 de novembro de 2008

Sobre(o)nome

A tradução do paterno –que, querendo eu ou não, é aquele pelo qual mais me identificam–, de origem italiana. Que aqui ganhe também um sentido como o da expressão enxugar gelo.
Pensei que pudesse ser Sobre nada e mais alguma coisa, numa referência a um livro quase homônimo de Woody Allen. Mas, entre outras coisas, poderiam relacionar tal título quase exclusivamente a uma polêmica recente, surgida num debate entre dois postulantes à PMCG.
That’s all, folks. Ou não.

6 comentários:

VCabral disse...

Olá, Gustavo! Sobre o "sobre...nome" penso que, este espaço, assim como outros em sua vida, será mais um onde as pessoas possam identificar uma frase que ouvi você usar numa resposta, digamos, espirutuosa: "Sim! Entre outras coisas, sou filho sim". Seja muito bem-vindo!

Anônimo disse...

Gustavo,

Que essa mídia, com a sua ajuda e dos internautas faça uma Campos melhor.
Consequentemente, um mundo melhor !
Aliais, nascemos para isso .


abraço


hunf

Gustavo Landim Soffiati disse...

Ainda não o identifiquei, VCabral. Mas me lembro bem dessa resposta. Valeu.
Agradeço ainda ao anônimo.

Imbeloni disse...

É bom tê-lo aqui na blogosfera. Você é competente!!! Parabéns!!!

Segue abaixo, matéria do blog do Dr. Cléber Tinoco.

Quinta-feira, 30 de Outubro de 2008
Com o fim do mandato...
Com o fim do mandato, Alexandre Mocaiber perde o foro por prerrogativa de função (garantia de ser julgado perante o Tribunal), de modo que a competência para julgá-lo por eventuais crimes passa a ser de um juiz de primeiro grau.
Postado por Cleber Tinoco às 20:23

Xacal disse...

Boa notícia sua chegada na blogosfera com mais um espaço...

Um abraço...

Gustavo Landim Soffiati disse...

Imbeloni, Xacal:

As passagens de vocês por aqui só aumentam minha responsabilidade.

Obrigado.

Um abraço.